Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Até Arinos







Decidi almoçar em Arinos, onde estacionei no Big Hotel de Arinos, meu pouso, pouco antes das 14 horas. O hotel faz jus ao nome, pelo menos no local: é o maior da cidade, com diárias a 35 reais em quartos com TV e ventilador. Perfeito. Do lado de dentro da porta um cartaz: “o Hotel não aceita hóspedes acompanhados de mulheres da cidade”. Achei interessante, mas fiquei pensando se eles conheciam mesmo todas as mulheres da cidade. Concluí que era possível, sim. O melhor do hotel: tinha conexão sem fio com a internet.

Arinos é uma fronteira, no que diz respeito ao asfalto. Acaba ali o pixe. Eu já sabia e segui em direção em direção a Chapada Gaúcha.

0 comentários:

Postar um comentário